Prefeitura de Queimados - Mais Trabalho e Novas Conquistas
Facebook   Instagram   Youtube   Flickr   Blogspot

Noticías


Sede e fome de leitura: 'Geladeira Literária' oferece centenas de livros em praça pública de Queimados

Obras de todos os gêneros são encontradas na Praça Nossa Senhora da Conceição e o melhor: de graça

15/05/2019 16:45

GABINETE DO PREFEITO

Foto: Igor Lima/SEMCOM
Quem passa pela Praça Nossa Senhora da Conceição, no centro de Queimados, pode perceber uma geladeira totalmente estilizada feita pelo artista local Luis Arthur Santos. Ao abri-la, a pessoa se depara com dezenas de livros, onde qualquer um pode pegar e colocar novas obras. Alimentar a sociedade de conhecimento. Essa é a proposta da ação literária do Projeto "Professor Fábio Castelano",  liderado pelo seu irmão, Felipp Castelano.
Na geladeira há obras para todos os gostos. Literário, autoajuda, contos, crônicas, infantos juvenis, drama, ação, poesia e muitos outros.  O projeto começou em 20 de abril, com cerca de 100 obras e, hoje, já "alimentou" cerca de 400 pessoas. 

Os livros foram arrecadados através de doações de pessoas físicas e empresas privadas. Idealizador do projeto, Felipp Castelano fala sobre a recompensa da iniciativa: “A gente nunca sabe como descrever o sentimento que é ver os pequenos, por exemplo, pegando um livro com um sorriso no rosto. Não tem nada que pague isso. E a gente quase desmonta quando, essas mesmas crianças, ainda pertinho da gente, leem os livros que escolheram. É um sinal de que estamos no caminho certo” afirma.
Larissa Esteves. Foto: Igor Lima/SEMCOM
Entre tantos anônimos que já visitaram a geladeira literária, um ilustre leitor foi conhecer o projeto. Na última semana,  o Prefeito da cidade, Carlos Vilela, prestigiou a iniciativa e se encantou: “A ideia da geladeira solidária é excelente e incentiva pessoas de todas as idades a praticarem o bom hábito da leitura, isso reflete a melhora no vocabulário e na escola, no caso dos nossos estudantes” disse o chefe do executivo.
A estudante Larissa Esteves (18), que cursa Licenciatura em Belas Artes na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e mora do bairro Aliança, adorou a iniciativa: “Na correria do dia a dia, as pessoas não tem tempo ou hábito de frequentar uma biblioteca e, a possibilidade de existir uma ‘geladeira literária’ no meio da Praça Nossa Senhora da Conceição, incentiva as pessoas a lerem mais, afinal, fica em nosso caminho de passagem e pela facilidade de pegar qualquer livro e devolvê-lo, mesmo que isso seja feito em outro dia” afirma a universitária.
O Projeto Professor Fábio Castelano que já é conhecido da cidade, tem o objetivo de atuar em benefício dos adolescentes em situação de vulnerabilidade social. O Pré-Vestibular social gratuito também é uma iniciativa e se solidariza e ajuda diversos jovens a conquistarem suas tão sonhadas vagas nas universidades. E é nesse contexto que profissionais de educação e alunos de conceituadas universidades se uniram para contribuir com a finalidade de alcançar essa meta.
O Professor Fábio Castelano, falecido em Maio de 2013,  era um entusiasta pelas políticas de garantia de direitos e via na educação o único objeto capaz de multiplicar e transformar a realidade. Com intuito de honrar a sua memória e dar continuidade ao seu legado, os membros e colaboradores do Projeto do Professor, assumem o compromisso com os direitos humanos, com a busca pela igualdade social e, sobretudo, com a educação.

Últimas Notícias

keyboard_arrow_left
    

Encontro acontecerá na próxima segunda (16), no auditório do Centro de Esporte e Lazer da Terceira Idade

Últimas tendências da indústria de casamentos estarão disponíveis no evento, que conta com o apoio da Prefeitura

Peça “Curumim” aborda cotidiano de aldeia e surgimento do termo ‘mandioca’. Espetáculo itinerante foi apresentado a mais de 600 alunos da rede municipal

Evento aberto a população acontecerá na próxima segunda-feira (16), no auditório da Secretaria Municipal de Saúde

Competição acontece no Ginásio Metodista a partir das 9h deste sábado (14) e terá entrada franca

Quatro unidades estão em funcionamento e atendem quase 150 pessoas diariamente

Rede de supermercados ofertou quase 40 vagas para moradores da cidade nesta quarta (11)

Pacientes recebem kits gratuitos para acompanhamento da doença contendo agulhas, tiras para teste, seringa e o aparelho medidor

    
keyboard_arrow_right
Facebook     Twitter     Youtube     Flickr     Blogspot